sábado, 6 de agosto de 2011

Poeta Luiz Alves de Souza

Viver Vivendo

Como é bom viver vivendo,
Neste cantinho que sonhei,
O que plantei estou vendo,
Se vou colher eu não sei.

Como é bom viver vivendo,
Sentindo o sopro da vida
Fazendo da dor guarida,
Mesmo estando sofrendo.

Como é bom viver vivendo,
Tendo alguém para lhe ouvir,
Deixar tudo para trás,
Fechar os olhos e dormir.

Como é bom viver vivendo,
Tendo paz no coração,
Segurar a vida na mão,
Mesmo que esteja morrendo.

Como é bom viver vivendo,
Tendo alguém ao seu lado,
Para ouvir os seus queixumes,
E por ela ser consolado.

Como é bom viver vivendo,
Dormir e poder acordar,
Ouvindo os pássaros cantando
E seu coração alegrar.

2 comentários:

  1. É um privilégio muito grande socializar um pouco das emoções deste poeta tão encantador tão sensível.
    É um grande pai, um esposo exemplar e um amigo surpreendente! Obrigada por existir na minha vida.

    ResponderExcluir
  2. Lindíssima!!!
    Ele é o CARA, de uma sensibilidade incrível!Também agradeço por ele existir em minha vida.

    ResponderExcluir